domingo, 3 de fevereiro de 2013

a pessoa que mais me magoou



                Voltei a vê-lo, reconheci-o à distância só pelo andar. Como na última vez, eu desejei que os meus olhos me estivessem a pregar uma partida. Mas a cada passo que ele dava eu tinha mais a certeza de que os meus olhos não estavam enganados.

                Admito, eu gosto de o ver. Não gosto do que me fez sentir, gosto de ver como está, com quem está. Parece que tudo o que aconteceu ainda está muito presente, parece que foi ontem… mas já passou quase um ano. Ele abusou do meu coração, apertava-o e esticava-o as vezes que queria. Até ao dia em que abri os olhos e vi que tudo aquilo baixava a minha autoestima. Às vezes ainda lembro algumas das suas palavras: “Vais acabar sozinha se não mudares”, “não vais conseguir fazer isso, é muito difícil”. E estas coisas nem foram as piores, isto não é nada comparado a tudo o que ouvi.

Como é que consegui sentir algo como senti por ele? O que é que ele tem que me fez ficar daquela forma? Já o odiei por tudo, mas agora não. Quando o vejo lembro-me de várias coisas, por isso é que prefiro não o ver. Mesmo que não fosse ele que eu tivesse visto hoje, fez com que me lembrasse de acontecimentos passados.

Só consigo pensar nele como a pessoa que mais me magoou. E, mesmo depois disso, fui capaz de o perdoar.

16 comentários:

❉ρєαснєs❉ disse...

Conseguiste esquece-lo, é o que interessa. Também já passei por uma situação assim. Um rapaz que me enganou do início ao fim. Felizmente que nunca mais o vi...

PepperGirl ♥ disse...

Eu percebo-te bem, as vezes o amor faz-nos perdoar tudo, mas se ele realmente te deitava abaixo então é porque não te merecia!

Força!

Sara Moreira disse...

É triste quando olhamos para alguém e só vemos o mal que elas nos fez :/

a refugiada disse...

adorei o q li. mas às vezes é bom sentir o q tu sentis-te, pois apesar de tudo ele foi um verdadeiro amor *

SaraM disse...

São acontecimentos que farão sempre parte da tua história, mas mais importante, do teu passado. E que agora dão lugar a algo melhor! :)

Nini disse...

Ok, tu estás a conseguir com que eu fique sem palavras para descrever os teus textos! :o Mais um texto lindo, sentimental, que de certo modo se identifica muito com o meu passado, pois hoje, depois de tudo o que passei com uma certa pessoa, quando o vejo, apesar da confusão que me provoca, gosto de ver como ele está e com quem se dá. Pode ser doentio, mas por vezes é a melhor maneira de acalmar a dor cá dentro!

Nini disse...

R: Não tens nada que agradecer. Eu é que agradeço por me deliciares com os teus textos! :D

footstep disse...

Se já conseguiste "fazer isso (perdoar)", vais conseguir fazer muito mais.
A capacidade de perdoar, não está ao alcance de qualquer um. Odiar qualquer pessoa é capaz. Perdoar é mais difícil. :)

SaraM disse...

de nada, mesmo :)

martasousa disse...

o que importa é que já o esqueceste.

a refugiada disse...

obg :c , por muito q o passado te tenha magoado, o presente têm-te feito feliz e isso é o q importa, princesa! *

martasousa disse...

r: isso já é muito bom :)

Catarina. disse...

Muito obrigada, querida.*

Quinn disse...

Se está ultrapassado, isso é que importa!
R: lembrou-se de embirrar connosco -.-

sanddi disse...

R: boa sorte para ti também :)

Nini disse...

R: A professora já nos disse qual é o livro e gostei imenso dele! Menos mal :)
Então, de nada! Sempre às ordens :b