domingo, 23 de setembro de 2012

i know love isn't a fairytale


                Já reparaste na turbulência em que ficámos envolvidos? Cheguei a duvidar dos sentimentos que temos um pelo outro. Agora é só preciso esperar para ver se as coisas vão melhorar. Hoje, tudo o que me disseste convenceu-me do que sentes por mim. E eu, sinceramente, gosto imenso de ti.

                Continuo a sentir um arrepio a subir-me até ao coração quando penso em nós. As lágrimas surgem quando as coisas não estão bem e, se não surgirem, sinto um enorme aperto no coração. Só me apetece dizer que te amo. Tu és importante e sabes perfeitamente disso. Espero também o ser para ti.

                Junta-te a mim nesta luta pelo nosso amor, não podemos ficar sentados. Nenhum dos dois pode. Eu amo-te, e está mais que óbvio. Já provei isso tantas vezes. Agora é a tua vez de o provares.

Meu totó, eu amo-te.

16 comentários:

V disse...

Pelo que leio no teu cantinho acho que ele gosta de ti e o tempo acaba por provar os verdadeiros sentimentos :) *

Pedro Luis López Pérez disse...

Realmente una bella declaración de Amor y Compromiso recíproco.
Un abrazo.

Ana Filipa disse...

muito obrigada, mesmo (:

V disse...

Não tens que agradecer, ora :) com o tempo tudo melhora, acredita! E tenho a certeza que se ele gosta de ti te vai mostrar isso para não te perder :) *

Daniela Ramos disse...

Sentimentos. Quem alguma vez os vai entender. Beijinho :)

eliana disse...

mas eu queria daqueles bué grandes ahahah

cher disse...

pois :s, é bastante complicado :o

cher disse...

se é...

Catarina. disse...

acredito que tudo se vai resolver e ainda para mais depois de terem conversar, força e felicidades princesa*

beatrizpereira disse...

que lindo :)

beatrizpereira disse...

de nada :)

Catarina. disse...

oraaa princesa (:

cherry blossom disse...

ai o amor :')

cátia. disse...

ainda bem :)
adoro o texto, está lindo!

Diana Sofia disse...

segui querida (:

Magui disse...

Não tem mal, eu é que peço desculpas por ter demorado tanto a responder, mas desde que a escola começou a minha vida deu uma volta que tu nem imaginas. E em resposta ao teu comentário: EU COMPREENDO PERFEITAMENTE ESSA COISA DAS "DIFERENÇAS". Já passei por uma situação parecida, e posso dizer que tentamos, mas a barreira que existia entre nós era demasiado grande para continuarmos a tentar. Mas sinceramente, espero que contigo seja diferente, e se tiverem que ficar juntos, de certeza que vão conseguir ultrapassar tudo. :)
Beijinhos.